Resenha: Encontrada pelo Lobo (Lobos de Crookshollow #1), Steffanie Holmes

Oi, meus amores! Vim trazer a resenha de um romance sobrenatural super quente pra vocês, espero que gostem! ❤

Sinopse:

Anna

Fazia cinco meses desde que meu namorado fora tragicamente morto em um acidente de escalada. Jurei que não o tinha superado… até que Luke entrou no meu sítio arqueológico.

Alto, moreno, sexy, tatuado, divertido, perigoso. Tudo o que eu queria em um homem.

Mas ele estava escondendo alguma coisa. Agia estranhamente ao luar. Ele não me contou nada sobre a vida dele. E eu o peguei tentando destruir uma descoberta importante.

Meu corpo ansiava por ele, mas meu coração me dizia que não estava pronta para me entregar novamente, especialmente para um cara que não estava sendo sincero comigo.

Mas se apenas…

Lucas

Anna Sinclair – arqueóloga, nerd, totalmente deliciosa.

Eu soube, desde o momento em que seu perfume inebriante invadiu meus sentidos de lobo, que ela tinha que ser minha.

E saber disso era aterrorizante.

A última coisa que eu esperava era encontrar minha companheira predestinada em um sítio arqueológico. Sempre que estava perto dela, tudo o que queria fazer era reivindicá-la.

Mas ela estava destruída. A última coisa que ela precisava em sua vida era de um lobisomem em busca de vingança. O que eu precisava era destruir o sítio, para manter o passado da minha família enterrado para sempre.

Se Anna descobrisse a verdade, ela nunca mais falaria comigo.

Mas não podia negar o vínculo entre nós. Faria qualquer coisa para torná-la minha.

“Digging the Wolf” é um romance paranormal independente da autora best-seller do USA Today, Steffanie Holmes. Continue lendo se você gosta de mistérios arqueológicos, lobos durões, uma heroína destruída e um herói tão excitante que te fará querer mais.

Avaliação: 🌟🌟🌟🌟

Acho que este foi o lançamento da Cherish que eu mais fiquei ansiosa para ler. Sou completamente apaixonada por romances sobrenaturais, e, se forem com um lobo gostoso, melhor ainda. E fala sério, tem como não babar já com esta capa maravilhosa? Impossível, né?!

Falando um pouquinho sobre a história, aqui nós conhecemos Anna, uma jovem brilhante que deseja ser arqueóloga, mas uma sucessão de acontecimentos, trágicos em sua maioria, impede seu avanço em direção a esse sonho. Ela chegou a ser aceita em uma das mais prestigiadas universidades do Reino Unido, mas justamente nessa época acabou perdendo o pai e precisou abrir mão dessa oportunidade para ficar perto da mãe, uma mulher emocionalmente frágil. Depois foi a vez de perder o namorado e, como se não fosse suficiente, ainda “precisou” abrir mão de uma viagem de campo que queria muito em prol de uma colega que sofreu um acidente, ficando quatro semanas presa numa escavação na floresta úmida perto da cidadezinha onde vive. No entanto, aquilo que prometia ser um tédio completo, acaba se revelando a maior sorte de sua vida, quando seu caminho se cruza com o de Luke, o novo guarda florestal enviado para supervisionar o trabalho arqueológico.

Luke Lowe é um “homem” lindo, que parece ter saído diretamente dos sonhos eróticos para bagunçar a vida de Anna. O que ela não sabe é que ele também teve sua quota de tragédias na vida, tendo perdido o pai, sua única família, há pouquíssimo tempo; e também não imagina que ele é muito mais do que aparenta. No entanto, Luke não demora a revelar seu maior segredo a Anna: o fato de ser um shifter lobo; afinal, não poderia começar uma relação com sua recém-descoberta companheira (quem já leu outros romances sobrenaturais, sabe o quanto laços de companheirismo são importantes) com uma mentira. A princípio, Anna obviamente fica assustada, mas não tarda a se render à atração irresistível que sente por esse “homem” delicioso.

Luke foi até Crookshollow para destruir algumas pinturas que entregam o passado trágico (estou usando muito essa palavra, né? Mas é que não tem outra melhor para descrever a vida desses dois) de sua família e, também, para reivindicar o legado dos Lowe, que pertence a ele por direito. Porém, Anna não facilitará sua vida, e quando as tais pinturas vierem a público, inimigos antigos virão para atrapalhar a felicidade do casal. E vou parar por aqui, agora vamos às minhas considerações sobre a história…

Eu gostei muito da Anna e do Luke. Ela é uma mulher muito forte, que passou por toda essa barra sem perder a empatia e a vontade de lutar pelo que deseja. E o Luke é bem o tipo de mocinho que eu gosto. Achei esse homem muito fofo, mesmo com seu lado possessivo causado pelo gene lobo. No entanto, nem tudo são flores, eu preciso confessar que o começo do livro não me empolgou muito, não. Achei a aproximação entre a Anna e o Luke muito rápida. Ele é gostoso e tals, mas ela estava em luto pelo namorado falecido, né? Enfim… O bom é que, depois que conhecemos a história da família do Luke e certo personagem entra na trama, as coisas ficam bem mais movimentadas e interessantes. O final também deixou um pouco a desejar, mesmo que, talvez, tenha sido proposital, de forma a deixar ganchos para os próximos romances.

Agora, o que eu realmente amei neste livro foi o Caleb, as brigas dele com o Luke por Anna me divertiram bastante. Estou com altas expectativas para o próximo livro da série, que será protagonizado por ele. Sinto que Caleb se revelará um homão quando encontrar sua companheira de verdade, mas vou aguardar para confirmar…

“Encontrada pelo Lobo” está disponível em e-book na Amazon: https://amzn.to/3cXL3Jj.

E aí, meus amores, gostaram de conhecer esta história? Ou já conheciam? Contem-me tudo! Obrigada pela visita, beijos e até o próximo post! 😘😘😘

Um comentário sobre “Resenha: Encontrada pelo Lobo (Lobos de Crookshollow #1), Steffanie Holmes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s