Resenha: Nos Braços do Inimigo, Aline Rubert

Sinopse:

1596

Há mais tempo do que qualquer um se lembrava, Portugal e Espanha estavam em guerra. Uma guerra pelos portos estrangeiros e terras descobertas, por especiarias e comércios, sem qualquer sombra de que pudesse ter fim.

Dois reinos rivais e de igual prestígio, dos quais nasceram dois herdeiros.

De um lado, Beatrice Castelleri, princesa de Portugal, jovem e esperta, treinada a vida inteira para ser uma rainha justa e piedosa, e do outro, Thiago Montello, o temível príncipe da Espanha, criado com mãos de ferro para ser um rei firme e impiedoso.

Opostos em tudo, eles se encontram, por acaso, em uma temporada de festas no castelo do imperador germânico.

E o impossível acontece, desencadeando uma paixão devastadora, capaz de arruinar qualquer um e pôr em risco mais vidas do que a guerra.

Juntos, eles são fogo e pólvora, que se consomem em igual intensidade.

Avaliação: 🌟🌟🌟🌟🌟

Disponível em e-book na Amazon: https://amzn.to/2KBx9Bc.

Nos Braços do Inimigo é inspirado nas histórias de Tristão e Isolda e de Romeu e Julieta, mas, em vez de famílias inimigas como no drama shakespeariano, temos dois reinos em guerra, cujos príncipes herdeiros se apaixonam perdidamente um pelo outro.

De um lado, temos Beatrice, uma jovem bela e mimada, enviada pelos pais, os reis de Portugal, juntamente com a irmã, para uma temporada de festas na Germânia, usando um disfarce para que passem em segurança pelo país vizinho. E do outro, temos o arrogante príncipe espanhol. Tiago é o típico cafajeste. Seu primeiro encontro com Beatrice já é explosivo, quando, ao encontrá-la sozinha em um labirinto, decide fazer dela a próxima vítima da sua libertinagem, e esta vontade se torna ainda mais intensa ao descobrir a identidade da mulher diante de si. Uma conquista deliciosa, sem sombra de dúvida.

Um sensual e perigoso jogo de sedução tem início então, no qual seus corações e suas vidas estão em cheque. Beatrice até tenta resistir ao desejo despertado por seu inimigo, mas sua determinação é menor do que a dele em tê-la em sua cama. No entanto, Tiago acaba sendo vítima da própria armadilha ao perceber que o que sente pela princesa vai muito além da mera vontade de possuí-la. E o preço para que possam ficar juntos acaba sendo alto demais.

Quem gosta de amores proibidos com certeza vai amar este livro. É curto, ágil, mas com uma trama muito bem desenvolvida e que prende nossa atenção do início ao fim. Impossível não se envolver por esta avassaladora e ardente história, que faz a temperatura subir durante os tórridos encontros amorosos de Beatrice e Tiago. Intrigas e sórdidas maquinações também têm seu lugar, tornando a narrativa ainda mais interessante. E tudo na escrita da Aline Rubert que é simplesmente deliciosa de acompanhar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s