O que Eu Estou Fazendo Aqui…

Oiiiiiii, gente! Mais alguém perdido por aqui ou só eu mesma? 😅😅😅

Pois é, como as coisas funcionam… A pessoa está lá de boas, há 3 anos sem ler praticamente nada, aí assim, do além, surge a vontade de pegar um livrinho. E depois que terminamos o primeiro, pegamos mais um… E mais um… E mais um. Até que, quando vamos ver, terminamos o ano com 159 lidos e mais 500 na lista.

Só que as coisas não param por aí e logo o ser humano não se conforma mais em ler apenas para si e começa a ter a vontade de compartilhar sua inútil opinião com o mundo, tendo a presunção de achar que alguém vai se interessar por ela. De modo que aqui estamos nós…

Acho que não há outra maneira de começar que não falando um pouco sobre meus gostos literários de forma bem resumida É verdade esse bilete Então lá vamos nós!!!

Meus gêneros favoritos

Romance policial/mistério/thriller/suspense (tudo junto porque não sei diferenciar um de outro, se é que há alguma diferença entre eles), fantasia e os grandes responsáveis por eu voltar ao mundo da leitura, os romances de época/históricos/etc e tal.

Autores favoritos

Preciso dividir em gêneros e nem adianta perguntar de qual eu gosto mais, porque simplesmente não faço ideia.

No suspense, meu quarteto de ouro: Sidney Sheldon, Agatha Christie, Harlan Coben e Dan Brown.

Na fantasia, este simpático velhinho psicopata assassino sem coração, George R. R. Martin, e a linda da Sarah J. Mass.

Nos romances de época, esta diva maravilhosa, Maya Banks.

E, por fim, uma menção honrosa à minha autora nacional favorita, Anne Marck. Gente, eu amo essa mulher ❤❤❤

Livros favoritos

Só esses aí mesmo #perigueteliterária

Confiram as resenhas de Se Houver Amanhã, As Crônicas de Gelo e Fogo, Corte de Espinhos e Rosas e Priscila.

Meu crush literário/amor da minha vida

Rhysand, de Corte de Espinhos e Rosas (tem como ser mais lindo?
😍😍😍).

E por último, uma confissão literária:

Quer me viciar de vez num livro, é criar uma mocinha sofrida (mas sofrida mesmo, do tipo que é impossível terminar de ler o livro sem desidratar de chorar) e dar um final feliz pra ela. Paixão à primeira vista.

Bom, era isso. Se alguém teve paciência de chegar até aqui, agradeço pela atenção. Nos veremos em breve em novos posts, mais interessantes do que esse, onde falarei dos livrinhos que tive o prazer (ou nem tanto assim) de ler. Beijos e até a próxima!!! 😘😘😘

AH SIM, PESSOA ESQUECIDA/INGRATA. NÃO POSSO ESQUECER DE AGRADECER ÀS DIVAS DIANE BERGHER (UMA AUTORA NACIONAL INCRÍVEL E QUE ME SUGERIU O NOME DO BLOG) E MICHAELLY AMORIM (QUE FEZ ESTE CHIBI FOFÍSSIMO QUE USO DE PERFIL). Obrigada, amorinhas ❤❤❤

4 comentários sobre “O que Eu Estou Fazendo Aqui…

  1. Hey Aisha!

    Já li alguns dos autores que vc destacou! E realmente, Anne Marck, Elissande Tenebrarh, Michaelly são autores incríveis. Li a Maya Banks, mas foi uma trilogia contemporânea muito hot, então ainda não consegui chegar a um consenso. Dos demais, talvez um dia leia.

    Seja bem-vinda!
    bjus!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oiiiiiiii ♥♥♥
      Siiiiiiim, Anne Marck, Elissande e a Mi são maravilhosas. Já sobre a Maya Banks, ela é incrível também, mas recomendo que leia Seduzida por um Guerreiro Escocês, vai se apaixonar à primeira vista *………*
      Beijos :*******

      Curtir

  2. Eu sofri MUITO quando o Sidney Sheldon morreu. Em compensação, eu nunca fui a maior fã da Agatha Christie. Quem sabe um dia eu mude isso! Ainda não li Maya Banks (acho – shame on me).
    Foi uma ótima apresentação!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Oiiiiiiiiii, flor ♥♥♥
    Antes de mais nada, obrigada por tirar um tempinho pra vir aqui. Isso me deixa muito feliz, seja bem-vinda, tomara que continue gostando =D
    E em segundo, ALELUIA, ALGUÉM QUE ME ENTENDE. Nem me fale, eu tinha acabado de conhecer o Sidney Sheldon quando ele morreu. Isso me deixou muito triste na época, lembro disso. Mas eu preciso confessar que sou um dos leitores que não se sentem tão órfãos assim desde que a Tilly Bagshawe começou a escrever em nome dele. Eu acho ela maravilhosa e consigo captar os principais elementos que me cativaram na escrita do Sheldon na escrita dela. Falo do fato de conseguir mostrar a história de todos os personagens, mesmo que eles só apareçam uma vez (até hoje lembro de um paparazzo que vai no velório da Kate Blackwell pra fotografar o rosto desfigurado da Eve em A Senhora do Jogo, e depois aparece outra vez, sem que mencionem o nome dele, mas o reconhecemos pelas pernas cumpridas) e daquelas personagens femininas super marcantes, que não são necessariamente boazinhas, mas que têm algo que as redime (Tracy Whitney, Noelle Page e a Lexy, de A Senhora do Jogo, que é da Tilly). Ai ai, amo demais, tanto que está entre meus livros favoritos.
    Sobre a Agatha, difícil de aceitar alguém que não gosta dela, mas como gosta do Sidney, vou perdoar U_U
    Mas mulher, leia Maya Banks tipo pra ontem, sério. Os livros dela (eu só li 2 por enquanto, mas já me marcaram demais) são maravilhosos. Começa com Seduzida por um Guerreiro Escocês, é muito lindo. A mocinha é delicada, mas muito forte, muito cativante e tem uma história muito triste, mas que é justamente o que tanto fascina nela. O Graeme é tudo que eu amo num mocinho de época. Ele é muito forte, muito protetor, mas também sexy e incrível. A história mostra os problemas entre clãs escoceses, o que também me agradou demais. Aiiiiiin, só leia, sério. Não vai se arrepender.
    Beijos, espero ver você sempre por aqui ♥♥♥

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s